aldeiaminecraft

Click here to edit subtitle

É importante criar uma boa relação entre colaboradores e empresas?

Numa vasta quantidade de empresas, uma das maiores despesas está sempre relacionada com a mão de obra. Pessoas trabalham para ganhar dinheiro para as suas vidas e devem ser pagas pelo seu esforço e dedicação. Porém, para as empresas, parte dessa despesa é desperdício quando muitas vezes os funcionários não produzem o suficiente, seja por momentos de má organização na empresa, falta de qualificação ou baixo envolvimento do colaborador com o trabalho.

Existe uma relação entre empresas e colaboradores. Empresas criam postos de emprego, e colaboradores produzem trabalho para gerar lucro para a empresa poder investir e assegurar os seus postos de trabalho. Da mesma forma que os cargos mais altos são responsáveis por manter o crescimento do grupo, através da angariação de novos clientes, melhorar a estrutura interna, manutenção das receitas e despesas, entre outros, os colaboradores são responsáveis por garantir uma mão de obra de qualidade para que a empresa possa apresentar um produto ou serviço de qualidade.


Para que a relação seja agradável entre empresa e colaborador devem ser levados em conta alguns pontos importantes, como:

A estrutura interna da empresa

Uma empresa estruturada, cuja estrutura interna é organizada ao detalhe, tende a evitar despesas desnecessárias a longo prazo. Dinheiro gasto desnecessariamente é dinheiro que nunca mais voltará. Por exemplo, se você alugar o mesmo apartamento por toda a vida, todo o dinheiro que gastou no aluguel é dinheiro que você nunca mais vai ver. Mas se o comprar, ainda que o venda apenas por 20% do preço inicial, é dinheiro que recupera.


Uma estrutura correta e organizada numa empresa ajuda a criar uma sequência de tarefas importantes e lucrativas e exclui todas as outras tarefas desnecessárias. Por exemplo, os colaboradores, terminando uma tarefa a trabalhar a um ritmo normal, podem começar outra a um ritmo normal, mantendo a produção na empresa (fazer uma tarefa muito depressa para depois ficar parado é que não sou adepto), devendo o colaborador ser beneficiado pelo seu empenho.


A estrutura interna da empresa serve então para:


  • Diminuir as despesas descenessárias
  • Garantir a produção contínua de trabalho de qualidade
  • Manter e melhorar a imagem da empresa no mercado

Nem todos os líderes investem em estruturas organizadas. Alguns assumem todo o trabalho sozinhos sem perceber que, ao contratar mais pessoas qualificadas para trabalhar junto, não estão a poupar nos ordenados mas a expandir o domínio do seu grupo.


Os colaboradores

Cada colaborador é responsável por “empurrar a carroça” da empresa. Os ordenados são uma despesa certa a cada mês, e a empresa precisa faturar para os pagar. Porém, a maio parte dos funcionários faz apenas o suficiente para que sejam pagos, não aceitando assumir qualquer responsabilidade no rumo da empresa.


E hoje é extremamente difícil às empresas encontrar mão de obra qualificada e profissional. A verdade é que a maioria das pessoas apenas trabalha para garantir um ordenado, pois o valor pelo seu esforço raramente é reconhecido. Os colaboradores mais bem pagos são sempre aqueles que reconhecem o espírito de equipa, dedicação, esforço, vontade e ambição como fatores para se chegar ao sucesso. E não é por acaso que esses funcionários bem pagos são desportistas, cujo sacrifício pela atividade é tal que conseguem chegar a ganhar milhões. 


Porém, no mercado de trabalho, nem a empresa reconhece o valor do funcionário na maioria dos casos, nem o funcionário alguma vez pensa como um desportista, procurando elevar as suas próprias capacidades todos os dias


Conclusão

Pessoas tem valor e quando trabalham, devem ser recompensadas por isso. Trabalham porque precisam de dinheiro e se produzirem mais, devem ser pagas dessa forma. Se, numa equipa de futebol, todos se esforçarem mais, todos estão mais perto de vencer, porque não devem os colaboradores nas empresas ser devidamente recompensados se se esforçarem mais? Porque há patrões que abusam dos seus empregados, indo de férias sem lhes pagar? Será que os seus empregados irão se manter fiéis sentindo-se desvalorizados? Será que os profissionais mais bem qualificados pretendem vir a trabalhar para a empresa, sabendo que vão ser desvalorizados, enquanto podem ser valorizados noutro sítio? Será que um patrão irá manter a boa imagem da empresa, desvalorizando quem trabalha com ele, apenas preocupado com o próprio umbigo? E o funcionário, de tanto se queixar que não tem dinheiro ou que não é bem pago, alguma vez pensou que ainda que demore, o seu esforço será compensado financeiramente a médio prazo?

my images

Gostou do artigo? Assine agora e receba todas as novidades por email gratuitamente

Após subscrever por email, receberá todos os conteúdos aqui publicados. O seu email não será divulgado a ninguém autorizado nem será utilizado para divulgar spam.
endereço de email
*
campayn